#1 El Nacional

Estávamos batendo perna pela cidade procurando um tal lugar “bonitinho” pra comer, quando passamos por uma rua super charmosinha que tinha uma porta enorme de ferro no fundo. “Bora entrar?”Que surpresa!! Dentro da portinha (Ona) tinha um complexo de restaurantes lindos, num ambiente super charmoso, pra todos os gostos: tapas, frutos do mar, carne, doces… E um bar enorme no meio pra quem só quer beber, ver e ser visto.
Sentamos na área de carne e pedimos um Entrecôte ao molho berneasse divino!! Tão bom que voltamos outros dias pra conhecermos os outros restaurantes. Comentei com uma amiga que morava na cidade e ela ficou surpreendida com o meu desconhecimento do local visto que sou a psico louca do Google pré viagens! Pois é. Failed dessa vez, mas feliz que o El Nacional caiu no meu caminho.

#2 Cervejaria Catalunia

Ainda em alfa com o pôr do sol as 22h chegamos pra jantar 1h10 da manhã faltando 15 minutos pra fechar o restaurante. Pra minha surpresa, os garçons foram de uma simpatia só e isso fez a diferença. Fomos atendidas por um que tornou o restaurante o queridinho da viagem. Foi o nosso primeiro de tapas, eu lia o cardápio e não entendia nada, não tinha ideia do que pedir e surpreendentemente, fresca como sou, arrisquei o “O que você sugere?” E confiei no pedido. Vieram as melhores tapas da minha vida e aproveito pra dizer que foi uma aula e tanto, depois dali já sai dominando os cardápios espanhóis.

A pedida: pão com tomate, batatas bravas, queijo frito com geléia de morango, carne e polvo.

Vai com fé!

#3  Tchexas

Esse ninguém me indicou, mas a cada quarteirão eu via um. O lugar é super convidativo, um bar com as comidas passando igual os restaurantes japoneses de filmes, sabe? O cardápio é a minha idealização de vida: os 100 produtos numerados com fotos e separados em “quente” ou “frio”. Comecei pelo croquete, “uhmmmmmm” a la Ana Maria, o tal “uhmmmm” se repetiu 5 vezes, aliás, acho que foi o som mais usado na viagem, benção as tapas!

#4 Tapas 24

Acho que um dos mais famosos em barcelona. O ambiente é uma graça, o serviço nem tanto, mas a comida é boa.

#5 Carpe Diem

Perfeito pra uma sexta feira a noite. O CDLC fica na praia de Barcelonetta, na rua das nights, ou seja, a pré perfeita pro seu final de semana. Ambiente super agradável, comida deliciosa, super cool, gente bonita e o ponto forte, massagem na mesa – SIM – ! Depois do jantar o restaurante vira uma night.

Dica: Peçam a sobremesa de maracujá com oreo. É a tal felicidade que a gente compra

#6 Boca Chica e Boca Grande

E um point na cidade! Super vale conhecer. Se não quiser jantar por lá, sente no bar e experimente os drinks com seus amigos!

#7 Cervejaria Moritz

Ai depois de tantas tapas, você já tem PhD nelas, você janta literalmente dentro de uma fábrica de cerveja bebendo uma da boa e comendo tapas sensacionais. Isso sim é férias!

#8 Kibuka

Você já deve ter cansado de comer tapas, não quer gastar muito dinheiro, mas quer comer bem. É isso? Então te indico o Kibuka pra aquele japa do bom em Barcelona!

#9 Maka Maka

Porque depois de alguns dias de férias a gente bota o pé na jaca no hambúrguer! E um hambúrguer no Maka Maka é mais do que válido! Ambiente bom, na orla de Barcelonetta, super agradável e a noite rola música ao vivo. (Ahhh e tem o Kiosko também, surreal, mas tem que ter paciência, muita fila e pouco lugar pra sentar.)

#10 Cremeria Toscana

Escolhi um sorvetinho de todo santo dia, porque nas férias ele é o momento sagrado do meu dia. Experimentem o Cremeria Toscana e depois me contem.

Extra: Porque quem gosta de comer não consegue ficar apenas no Top 10. El Quim da Boqueria.

É um mercadão local com mil feirantes, onde você come o que quiser! Tem comida peruana, marroquina, crepes, frutos do mar… Vale a experiência!

Extra2: As indicações de uma amiga chefe de cozinha que mora na cidade: La Barra, Foic e Jaca.

Espero que gostem,

Bjs Bjs